10 fatos que você não pode ignorar sobre esmeraldas

Por Gabriel Moura

Informações e curiosidades sobre uma das gemas mais cobiçadas da joalheria

1. A esmeralda hoje ocupa lugar de destaque nas vitrines de joias brasileiras. Estima-se que, depois dos diamantes e das pérolas, a gema é uma das mais procuradas nas joalherias.

2. A Colômbia ainda é reconhecida como fonte das melhores esmeraldas produzidas no mundo. É o país que mais produz essa pedra preciosa, cerca de 60% da produção mundial. O Brasil é o segundo, produzindo apenas 15%.

3. Muitas esmeraldas que vemos nas coleções atuais são mais translúcidas e tem coloração mais clara do que as esmeraldas antigas.

4. As esmeraldas colombianas mais famosas são as produzidas em Muzo, El Chivor e Somondoco.

5. Verde é a cor genérica da esmeralda, mas há cinco classes distintas de classificação: verde azulado, verde ligeiramente azulado, verde muito ligeiramente azulado, verde ligeiramente amarelo e verde profundo.

6. A cor verde profundo é a mais formosa, a mais escassa, a mais valiosa, mas também a mais exclusiva, a que só se encontram nas entranhas da Colômbia.

7. Em tese, uma esmeralda de qualidade superior pode chegar a custar mais do que um diamante do mesmo tamanho, pois uma gema dessa categoria, sem imperfeições, é muito rara de ser encontrada.

8. A esmeralda “Duque de Devonshire”, que pesa 1,383.93 quilates, é considerada uma das maiores já encontradas.

9. As primeiras esmeraldas que se têm registro foram encontradas no Egito por volta de 1500 aC.

10. Uma esmeralda de 1 quilate parece maior do que um diamante do mesmo peso. Isso porque a gema tem densidade mais baixa.

1 comentário
  1. Olá queridos!
    O material da foto no início da postagem não é esmeralda.
    Trata-se de uma variedade de granada chamada Uvarovita.

    Esmeraldas possuem hábito hexagonal, diferente do apresentado aí na foto.

    Parabéns pela feira!
    Já participei e gostei demais.

Comentar

Seu email não será publicado