Instituto de Gemologia lança Centro de Triagem de Sintéticos

Por Gabriel Moura

A unidade permitirá às empresas de joias garantir aos clientes se uma pedra é genuinamente natural

O Instituto Internacional de Gemologia (IGI) abrirá uma nova instalação para detectar pedras produzidas em laboratório na Zona de Processamento de Exportação Eletrônica da Santacruz (SEEPZ) em Mumbai.

O centro de Triagem de Sintéticos – que a IGI afirma ser o primeiro desse tipo na SEEPZ – permitirá às empresas do centro de fabricação de joias garantir aos clientes uma pedra genuinamente natural. O serviço pode ser usado independentemente ou adicionado ao processo de classificação.

SEEPZ é uma área especial em Mumbai, onde certas isenções fiscais se aplicam, e é o lar de um grande número de exportadores de jóias.

“A instalação de peneiramento proporciona tranqüilidade aos fabricantes que exportam seus produtos para os mercados internacionais, especialmente quando o mercado está ameaçado pela infiltração de diamantes sintéticos no inventário de diamantes naturais”, disse Tehmasp Printer, diretor executivo da IGI Índia. Os joalheiros poderão usar a tecnologia para selecionar pedras soltas e jóias montadas.

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado