Louis Vuitton registra aumento na venda de joias

Por Gabriel Moura

 Grife comemora o resultado diante do atual panorama do mercado

A Louis Vuitton registrou um aumento nas vendas de joias e relógios no primeiro trimestre deste ano. O resultado foi comemorado e considerado pela grife bastante significativo, uma vez que diante das atuais condições de mercado, que sofre influências de taxas de câmbio desfavoráveis e incertezas geopolíticas.

A receita da marca com a venda de itens de luxo aumentou 9% nos três primeiros meses, atingindo US $ 1,18. O crescimento das vendas orgânicas, que assume uma estrutura comparável e taxas de câmbio constantes, foi de 20%.

O salto nas vendas de jóias foi impulsionado por um forte desempenho da Bulgari, bem como o lançamento de uma nova coleção da Chaumet. O varejista de luxo com sede em Paris também relatou uma recepção positiva para certos produtos, como relógios apresentados durante a feira Baselworld, que incluiu peças da Hublot, TAG Heuer e Zenith.

As vendas do grupo, incluindo joias, moda, cosméticos, vinhos e destilados cresceram 10%, chegando aos US $ 13,38 bilhões (EUR 10,85 bilhões).

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado