Noite badalada marca parceria entre joalheria brasiliense e inglesa

Por Isadora Campos e Mariana Rosa

Precisamente às 20h50 de terça-feira (5/12), o relógio Rolex, no alto da fachada, marcou a abertura da nova loja Pedrart, localizada na ala nova do ParkShopping (onde ficava a Montblanc). Stephan Meili (diretor-geral da Rolex no Brasil) e Marco Antônio Attie (proprietário da Pedrart) cortaram o laço verde, simbolizando a parceria entre a joalheria brasiliense e a relojoaria inglesa. As duas passam a dividir o mesmo espaço em Brasília.

Marco Antônio e Stephan Meili | Foto: Hugo Barreto

“A Rolex está presente há mais de 60 anos no Brasil. Já passamos por altos e baixos, junto com o país. A marca pensa a longo prazo e evoluiu porque sempre se reinventa” – Stephan Meili

shop in shop de 150m² da Rolex mescla-se com as joias da Pedrart. “Brasília é uma jovem cidade, com público especial, apreciador de produtos com boa qualidade. Com essa loja, temos o objetivo de realizar sonhos”, afirmou Attie, que celebra 35 anos da Pedrart no mercado.

Aberta 10 dias antes, em soft opening, a inauguração oficial foi ambientada por Rodrigo Resende, da Magia das Flores, com arranjos amarelos.

Foto: Hugo Barreto

Os convidados de Tiago Correia e Nina Rocha curtiram a noite com trilha sonora apresentada pela orquestra Toccata e selecionada pela equipe Rolex. O menu volante de Márcia Pimentel foi harmonizado com espumantes Casa Valduga.

“Não existem mais pequenas vitrines da Rolex. A marca privilegia grandes revendedores e constrói, com eles, melhores espaços para receber clientes. Aqui, é possível encontrar diamante amarelo e fancy, esmeraldas com alta quilatagem e joias exclusivas – com a possibilidade de customizá-las”, disse Paulo Souza, supervisor da Pedrart.

Peças desejo da Pedrart:

 

Colar em ouro amarelo, com diamantes e turmalina paraíba | Foto: Hugo Barreto

 

Anel (R$ 11,2 mil) em ouro amarelo, com diamantes e turmalina paraíba | Foto: Hugo Barreto

 

Bracelete (R$ 210 mil) em ouro branco, com safiras e diamantes | Foto: Hugo Barreto

Peças desejo Rolex:

Relógio DeepSea – recebeu esse nome porque, conforme a profundidade, o visor azul vai escurecendo até ficar todo negro (R$ 54.360 mil) | Foto: Hugo Barreto

 

Relógio preto em ouro rosé (R$ 111.960 mil) | Foto: Hugo Barreto

Confira quem prestigiou o evento:

Foto: Hugo Barreto

 

Moema Leão e Celso Martins | Foto: Hugo Barreto

 

Marcos Attie e João Oliveira | Foto: Hugo Barreto

 

Larissa Martini | Foto: Hugo Barreto

 

Paulo Souza | Foto: Hugo Barreto

 

Eduardo Machado, Marco Antônio, Tatiana Estrela e Stephan Meili | Foto: Hugo Barreto

 

Juliana Neder | Foto: Hugo Barreto

 

Christianne Poppi | Foto: Hugo Barreto

 

Amador Outerelo e Rafael Justus | Foto: Hugo Barreto

 

Tiago Correia | Foto: Hugo Barreto

 

Adriane Attie e Li Wang Attie | Foto: Hugo Barreto

 

Hendy Miranda e Valter Lourenco | Foto: Hugo Barreto

 

Juliana Neder e Arthur Borges | Foto: Hugo Barreto

 

Katherine Lepsch e Matheus Attie | Foto: Hugo Barreto

 

Joicy Oliveira e Jeferson Oliveira | Foto: Hugo Barreto

 

Andre Vilhena | Foto: Hugo Barreto

 

Rafaello margaretti e Filipe Pataro | Foto: Hugo Barreto

 

Fausto Bermeo e Ingrid Vitoria | Foto: Hugo Barreto

 

Erich Revoredo | Foto: Hugo Barreto

 

Kayke Magalhães, Noyanne Resende e Lukas Martt | Foto: Hugo Barreto

 

Eduardo Estrela e Thaizi Borges | Foto: Hugo Barreto

 

Felipe Estrela e Kauê Machado | Foto: Hugo Barreto

Fonte: Metrópoles



Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado