Accutron comemora 60 anos com identidade separada da Bulova

Marca abre um novo capítulo com um ‘legado’

Por Gabriel Moura

Accutron divulgação

Tem celebração movimentando o mundo dos relógios. A marca de relógios Accutron está celebrando 60 anos com novas coleções, um livro, um podcast e uma identidade separada da Bulova.

Depois de se lançar no mercado em 1960 como Bulova Accutron – o primeiro relógio totalmente eletrônico do mundo – o modelo, que não é produzido há mais de 40 anos, está sendo reintroduzido pela empresa-mãe Citizen Watch com o nome Accutron.

E que melhor maneira de reintroduzir uma marca do que lançando alguns de seus maiores sucessos? No outono passado, a grife de propriedade da Citizen convidou um grupo seleto de colecionadores de relógios para sua sede no Empire State Building de Nova York.

Lá, os colecionadores falaram sobre sua história com a Accutron e identificaram os relógios que eram historicamente significativos e os modelos mais desejados. Desse feedback veio a coleção Legacy, um grupo de 12 relógios, todos limitados a 600 peças cada, que seguem suas sugestões dos modelos Accutron feitos até 1974. (O relógio esteve em produção apenas 17 anos, entre 1960 e 1977.)

O original Accutron foi uma maravilha eletrônica em miniatura em sua época. Era conhecido por sua precisão e, na verdade, seu nome é uma maleta da frase “precisão por meio eletrônico”.

Ao trazer de volta a marca, a Citizen já lançou o Accutron “Spaceview 2020” e “DNA”, os primeiros relógios do mundo movidos à energia eletrostática. Novidades que vão agitar ainda mais o competitivo mercado relojoeiro.

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado