Mercado de joias se reinventa com mudança no comportamento de consumo feminino

Mostra retrata a evolução das mulheres através do design de joias

Por Da Redação

Partindo da ideia de que a galeria é um local que reúne arte, artistas e seus apreciadores, em sua celebração de 25 anos, a Viccenza incorpora esse conceito ao universo da joalheria. Unindo a essência da arte ao mercado de joias, a joalheria curitibana apresenta um conceito que irá ressignificar o segmento em sua pluralidade. O Projeto Viccenza Gallerie traz ao público um acervo da marca somado ao frescor das joias contemporâneas, acompanhando o novo comportamento feminino no consumo de joias.

Um levantamento da Organização Internacional do Trabalho (OIT) mostra que a participação feminina no mercado de trabalho deve crescer um quarto até 2025, adicionando à economia brasileira R$ 131 bilhões em receita. Como consequência, o estudo projeta o aumento no poder de aquisição de bens e serviços por parte deste público. Neste cenário, o segmento de joias se reinventou para atender às necessidades das mulheres, que buscam nas joias peças que expressem sua individualidade e, ao mesmo tempo, as acompanhem na rotina diária.

Para empresária Tania Vicenzi, que atua no ramo joalheiro em Curitiba há mais de 30 anos, uma joia pode ser tão versátil quanto essa mulher moderna e atualizada. “Elas podem e querem ter peças para serem usadas no dia a dia, mas que sejam exclusivas”, ressalta. Este comportamento é identificado também em estudo realizado pelo Instituto Brasileiro de Gemas e Metais Preciosos (IBMG) em parceria com a Ayr Consulting. De acordo com a pesquisa, entre os perfis do consumidor de joias no Brasil está o Renew (Movimento), no qual há uma maior procura por joias versáteis, mas sem deixar de lado o clássico, dando valor a releituras.

Para atender a esses movimentos do mercado, surge o conceito Gallerie, que contará com mostras volantes, ou seja, renováveis periodicamente, onde todas as peças das mostras serão especialmente selecionadas pela curadoria da empresária Tania Vicenzi. “Queremos transmitir, por meio de peças cuidadosamente selecionadas, joias que acompanhem essa mulher plural, forte e de personalidade”, afirma.

O projeto

A partir do dia 27 de abril, as lojas da Viccenza do Pátio Batel e do ParkShoppingBarigüi apresentam em suas vitrines a mostra inaugural do novo conceito Viccenza Gallerie. Laura Hueb e Lais Isfer são as designers convidadas para assinar as exposições de lançamento. Ambas as profissionais são talentos contemporâneos que expressam e acompanham, por meio de seus trabalhos, as tendências e novos comportamentos de consumo.

As galerias serão compostas por peças que unem os dois movimentos: o clássico e o moderno. Reunindo a tradição de um acervo já consagrado, composto por marcas exclusivas representadas pela Viccenza e a parceria com novos talentos do design de joias. “O clássico está atrelado ao conceito de joias mais pesadas, usadas em ocasiões especiais. Já as peças mais modernas são focadas em usabilidade, com design autoral, mais leve e inovador, mas sem deixar de lado a sofisticação”, explica Tania sobre as joias que serão expostas.

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado