Ouro é encontrado em municípios do Ceará

Mapeamento indica presença do metal em três regiões do Estado

Rico em ouro e pedra preciosas, o Brasil continua surpreendendo positivamente na área da mineração. Agora foi a vez do Ceará despontar como a mais nova região onde foram encontrados vestígios de ouro. Estudos recentes revelaram que os municípios cearenses de Itapipoca, no norte, e Mombaça e Pedra Branca, em pleno sertão nordestino, apresentam indícios da presença de ouro no solo. A descoberta é resultado do trabalho de geólogos da Residência de Fortaleza do Serviço Geológico do Brasil (CPRM).

Segundo foi divulgado à imprensa, há tempos já se tinha notícia de que nessas áreas havia vestígio do nobre metal. Projetos de uma companhia privada apontavam para a riqueza existente no solo dessas cidades, que agora foi comprovado por mais essa prospecção.

A expectativa dos especialistas é que haja nesses solos minas que sejam viáveis economicamente e que possam impulsionar a mineração no Estado.  Além de ouro, o estudo detectou mais uma boa notícia. A CPRM também encontrou indícios de chumbo e prata em Irauçuba, a 160 quilômetros da capital, na região noroeste do estado.

 Chamada de folha pelos geólogos, o levantamento das áreas dos três municípios faz parte da cartografia geológica básica, que está em processo de confecção há cerca de 10 anos e já mapeou 25 folhas, o que equivaleria à metade do território do Ceará. O documento é um instrumento que serve à gestão pública e à infraestrutura, pois dá suporte a qualquer tipo de exploração do solo.

Oferecimento:

Logomarca - Abramp – Associação Brasileira dos Metais Preciosos

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado