Rainha Elizabeth usou joias brasileiras formadas pela gema água marinha

A gema não é tão valiosa no mercado quanto a turmalina paraíba, mas possui uma beleza singular

Por Clara Lemos

Foto: Domínio Público

A rainha Elizabeth ganhou, em 1953, um presente sem igual: um conjunto brasileiro de tiara, brincos, colar e broche, compostos pela pedra água marinha, extraídas de uma mina do Rio Grande do Norte. O presente foi dado à rainha pelo então embaixador brasileiro em Londres, Assis Chateaubriand, em nome do presidente Getúlio Vargas, para celebrar a coroação da rainha.

De tom azul semelhante ao da turmalina paraíba, a água marinha possui dureza semelhante à do diamante. O colar e brincos pesam 300 gramas, possuem 10 águas-marinhas de 120 quilates e 647 brilhantes.O conjunto de joias foi usado com frequência pela rainha ao longo de sua vida, ora juntos e ora separados.

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado