WGC acredita na volta do crescimento das joias de ouro

Nova pesquisa feita pela organização revela desafios e sucessos do mercado de ouro

Clara Lemos

Fonte: Relatório World Gold Council

A nova pesquisa ‘Retail gold insights: US Jewellery’, feita pela WGC, que entrevistou 2.054 consumidoras de moda e estilo de vida nos Estados Unidos sobre sua relação com joias de ouro foi reveladora. O principal resultado da pesquisa foi que, embora admirem o valor e durabilidade do ouro e considerem comprar, as consumidoras acham difícil encontrar peças que gostem e se adaptem ao seu estilo. Isso destaca a necessidade de maior variedade nos designs de joias de ouro para se adequarem melhor aos gostos atuais.

A WGC afirma que as percepções deste relatório devem ajudar a indústria de joias de ouro a proteger e aumentar sua posição, fortalecendo sua conexão com as mulheres consumidoras.

Embora o ouro seja apreciado por elas como uma herança duradoura, o estilo das peças herdadas pouco tem a ver com o delas. Por isso, é necessário tornar as joias de ouro “modernas, vestíveis e individualistas”, chamando especialmente a atenção de consumidoras mais jovens, na faixa dos 18 aos 24 anos.

Além disso, aumentar a presença online das joalherias de ouro, com conteúdos criativos e dinâmicos nas redes sociais, ajuda a mudar a percepção das mulheres quanto à variedade dos designs em oferta e sublinha seu apelo de moda atual. Outra medida necessária é educar os consumidores quanto ao valor do ouro, promovendo peças mais leves e acessíveis, mas que não deixem de considerar o valor financeiro inerente ao ouro.

A pesquisa da World Gold Council pode ser acessada na íntegra em https://retailinsights.gold/

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado