Boho Chic volta a influenciar a joalheria

Estilo é caracterizado por um refinamento despojado e elegante, que permite a mistura de vários tipos de joias

Por Gabriel Moura

E quando muita gente estava achando que o estilo boho (diminuto de bohemian chic) já tinha rendido tudo o que podia, não é que o movimento ressurgiu na temporada outono/inverno ainda mais sedutor? Basta conferir o desfile da Chloé, considerado pelo Vogue como um dos melhores da temporada do inverno 2018/19, para comprovar que o perfume hippie e romântico dos anos 1970 está mais vivo do que nunca.

Conforto, liberdade, individualidade e feminilidade estão entre as palavras-chaves desse movimento. Mas na prática, ser boho significa combinar peças ousadas e deixar tudo com uma cara mais autoral possível. É por isso que nessa trend as joias se tornam protagonistas, afinal, elas são essenciais para marcar a personalidade que está segurando todo o look.

As joias vem impregnadas com um certo ar folk e são usadas com muita criatividade nos dedos, pescoços, orelhas e braços. Gemas em tons terrosos, laranjas e pink, entram em cena, fazendo contraponto com pedras de tons mais densos e profundos, como as esmeraldas, os rubis e as tanzanitas.

Entre a peças que caracterizam esse movimento está o brinco de argolas enorme tem lugar de protagonista, assim como colares compridos de âmbar, turquesas e ônix. Pulseiras que podem ser usadas junto com outras peças, com muito volume, estão entre as queridinhas dessa tendência. Outros ícones são os anéis com design vintage, clássicos do tempo da vovó mas que ganham ousadia e modernidade com acabamentos arrojados, como o outro negro.

Tudo com pegada natural, hippie e, sem dúvida, excessivamente chic.

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado