Chanel: retrospectiva da designer acontece em Paris

Por Beatriz Garcea

Uma exposição sobre Gabrielle Channel reabriu as portas do famoso museu de moda Palais Galliera, em Paris. O local estava fechado há quase dois anos e decidiu voltar às atividades com estilo. Afinal, Gabrielle “Coco” Chanel é uma das maiores designers do universo fashion e ajudou a criar e libertar a silhueta feminina como conhecemos hoje.

Coco é uma das personalidades mais famosas do mundo da moda, mas nem sempre foi assim. A futura estilista cresceu como uma menina órfã, liderando uma vida conturbada que incluiu até mesmo uma acusação de trabalhar como espiã durante a Segunda Guerra Mundial. Todos esses detalhes estão incluídos na exposição.

O que esperar da mostra de Gabrielle Chanel

A exposição do Palais Galliera é a primeira completa e focada na artista. Antes, Coco foi abordada em mostrar sobre o perfume Chanel n° 5, em 2013, e em homenagem ao designer Karl Lagerfeld, um dos diretores mais icônicos da Chanel. Porém, essa é a primeira vez que o foco fica sobre a estilista em Paris.

Serão mais de 350 peças expostas, todas do arquivo do Palais Galliera. Além disso, coleções privadas da Chanel foram reunidas para complementar a exposição. Logo, os visitantes terão a oportunidade de acompanhar as diferentes etapas de vida de Gabrielle Chanel, desde a criação da marca, em 1910, até a expansão para a Rue Cambom e sua morte em 1971.

A exposição foi intitulada como Manifesto da Moda e fica em cartaz até março de 2021. O objetivo é mostrar Coco como uma mulher forte e empoderada, mas, acima de tudo isso, uma criadora visionária que deixou sua marca no universo fashion. Para mais informações, acesse o site oficial do museu.

Fonte: Brasil 123

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado