Ouro é o metal favorito para o verão

Radiante, o metal mantem seu brilho e enfrenta com classe e muito brilho, de mares às piscinas

Em tempos de férias, sol, verão e da ditadura das selfies, pouca gente se arrisca ir desfilar por ai sem caprichar no visual. E nesse sentido as joias são essenciais, afinal são elas que dão vida aos looks. Diante da maresia do mar ou do cloro da água da piscina, só mesmo um metal muito especial como ouro é capaz de resistir e manter o seu brilho, fato que o torno o preferido para enfrentar a temporada mais quente do ano.

Considerado nobre, o ouro é resistente à corrosão e oxidação. Quimicamente ele é menos reativo do que a maioria dos elementos, sendo ainda mais lustroso e suave e com um ponto de fusão mais alto do que os outros metais.

O elemento é perfeito para encarar o verão porque não é vulnerável nem ao sol e nem ao suor, que costuma deformar as peças feitas com outros materiais. A composição do suor não danifica as joias feitas com o metal, que se mantem inabalável a esse elemento.

Mesmo o ouro sendo um metal macio, a sua composição é menos vulnerável aos minerais. No caso da areia, por exemplo, se ela for friccionada diretamente na superfície da joia, pode apenas riscar superficialmente o metal. Nesse caso, um polimento simples poderá devolver a peça a sua estrutura original. Caso a areia apenas tenha entrado em contato com a joia, basta lavar a peça com água e sabão, evitando esfregar.

Já a água do mar, que é fatal para vários metais, pois corrói a sua estrutura, não interfere na no ouro. A composição do metal não se altera em contato com a água salgada, não sendo corroída por ela. Apenas no caso do ouro branco é que a tonalidade pode sofrer algum tipo de mudança, dependendo da composição da liga. Mas de forma geral, não há problema algum em mergulhar no mar com peças de ouro.

O mesmo acontece com as piscinas. Nem a água, que costuma receber cloro, tem qualquer tipo de componente capaz de comprometer o ouro. O que acontece muitas vezes é que os especialistas em joias não recomendam usar joias nessas ocasiões em função da água, seja do mar quanto ou de piscinas, deixarem a pele mais escorregadia, podendo causar a perda das peças. Em relação a estrutura do metal não há o que temer e pode-se aproveitar o verão numa boa.

Oferecimento:

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado