Adaptação: a chave para enfrentar a crise

Se encontrar novas soluções é complicado, buscar se adaptar aos novos tempos pode ser o caminho

Por Gabriel Moura

Foto: Pexels

Muitas vozes disseram que não haveria volta, mas sim um “novo normal”. Entramos numa fase escura da pandemia, que ao que tudo indica, ainda levará tempo para acabar. Até lá, cuidar da sobrevivência do negócio é fundamental. 

Encontrar novas soluções nem sempre é viável, a saída pode estar na adaptação do modelo de negócio aos padrões vigentes nesse momento. Para isso é preciso compreender de fato o que realmente mudou e distinguir o que são apenas alterações passageiras.

Receitas de bolo e modelos prontos são descartados. A chave para dar os passos rumo à adaptação está em se fazer as perguntas certas e não se preocupar em encontrar as respostas, mas em compreender a essência das questões mais relevantes para o seu negócio. 

Há quem prefira ter sempre razão e, via de regra, esses não são bons líderes. Quando se acha que já se sabe tudo, perde-se a chance de conhecer a verdade ou, no mínimo, um novo ponto de vista para ampliar a sua visão.

É mais proveitoso buscar as perguntas certas do que se preocupar em encontrar as respostas. Um bom exercício é perseguir as indagações que podem mudar as certezas que já temos, acabando com as ilusões para encontrar as melhores decisões.

Aqui vão algumas sugestões para ajudar a você a refletir sobre as mudanças da sua joalheria:

. O ramo está apenas mudando de lojas físicas para as online ou indo além, os consumidores mudaram o seu interesse por joias? 

. A mudança de mindset em relação consumo consciente já está mudando o mercado? Em que medida? E o que a sua empresa pode fazer em relação a esse ponto? 

. Como reestruturar a nova estratégia de modelo de negócio da sua empresa?

. Como tornar os processos mais otimizados e facilitados para os clientes?

. Como destacar os canais de venda?

. O que o seu cliente busca? O que faz diferença para ele na hora da compra? 

e do seu negócio.

 

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado