As cravações mais usadas para o diamante

14A beleza do diamante pode ser apresentada de diferentes formas nas joias

Por Clara Lemos 

Foto: Pexels

A beleza do diamante pode ser considerada a mais clássica da joalheria, e existem diferentes maneiras de apresentar essa beleza em uma peça, a partir de cravações diferentes. A técnica tem o poder de determinar como o diamante reflete a luz em uma joia. Você lembra quais são as formas mais utilizadas na joalheria? Confira aqui:

1- Cravação com garras- Neste tipo de cravação, o diamante é preso na joia por meio de garras, que podem variar de 3 a 6 garras e apresentar acabamentos diferentes. 

2- Cravação inglesa- Nesta cravação, um aro de metal é responsável por exercer pressão na gema, prendendo-a à joia.

3- Cravação pavê- Aqui, há várias pedras de diamante, geralmente pequenas, que cobrem a superfície da joia, ficando muito próximas. 

4- Cravação invisível- A gema se encaixa perfeitamente à malha do metal e fica presa sob pressão.

5 Cravação grão- Na cravação grão, é utilizada a mesma técnica da cravação pavê, mas para gemas individuais. É uma forma de aumentar o reflexo do diamante.

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado