Faltam menos de 90 dias para 2021. É hora de se preparar para enfrentar a próxima etapa

Não sobrevive a espécie o mais forte, mas o que se adapta a mudança com mais velocidade

Por Leila Navarro

Podemos acreditar que o amanhã será realmente diferente e melhor? O que nós podemos esperar de um momento pós Pandemia? Como está a vida das empresas? Dos líderes? Das Equipes? Quais serão os próximos passos, metas e prioridades? O que é realmente importante para este momento? Será que estamos prontos para celebrar um recomeço? O ano termina e começa novamente…

Precisamos nos livrar de muitos paradigmas que nos prendem, nos paralisam e nos impedem de ver o mar de oportunidades que temos à nossa volta, até mesmo diante de um período de contingência. O desemprego no Brasil aumentou 27,6 % em quatro meses de Pandemia, segundo os dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O fechamento de comércios afetou ambulantes, vendedores e muitos outros segmentos do mercado. Estamos recomeçando sob a ótica de novos protocolos e nos fortalecendo para uma retomada. Hoje, mais do que nunca, precisamos nos reinventar diariamente. É como escolher o feijão bom e em todas as situações você poderá ver um lado positivo. E o mais interessante é que existe menos feijão ruim do que feijão bom.

“Não sobrevive a espécie o mais forte, mas o que se adapta à mudança.” (Charles Darwin)

Darwin que me perdoe mas tenho que fazer um adendo hoje a está célebre frase: “Não sobrevive a espécie o mais forte, mas o que se adapta a mudança com mais velocidade.” A velocidade hoje não é opcional, mas sim fato! Já sabíamos dessa verdade, mas o Covid deixou isso muito bem claro! Os países que tiveram cifras de contágio, mortes inferiores a seus vizinhos e máxima eficiência ao se livrar do vírus, foram os que praticaram:

Capacidade de decisão rápida e execução imediata;

Comunicação clara, efetiva e transparente;

⁃ Criatividade nas soluções e na busca constante de inovação.

Assim como as empresas que de imediato colocaram toda sua equipe em Home Office, já não era mais uma questão de opção e sim de precisão! A linguagem necessitou ser modificada e adaptada a um novo cenário. O desempenho de um colaborador depende muitas vezes de algo que o inspire para manter um sentimento de motivação ao desempenhar sua função no trabalho. Por isso, é fundamental procurar sempre novas maneiras de motivar uma organização e suas equipes para garantir uma boa performance, ainda mais neste momento híbrido. Tudo vai ficar bem! Portanto, precisamos focar no pensamento positivo e aprender a navegar pelo oceano de incertezas que é a vida.

O jogo ainda não acabou, estamos rumo a uma nova fase. Mais que qualquer outro período da existência humana, tornamos nossa comunicação cada vez mais acelerada, não há mais tempo de chorar pelo leite derramado. Não encare este momento como um retrocesso, mas sim como um aprendizado. É um Novo Agora! Vamos celebrar? Avalie o que foi benevolente, o que pode ser melhorado, o que pode ser adaptado, o que pode ser abolido dos seus conceitos da sua vida e o que deve ser ajustado nesta nova rota. Estamos juntos nessa caminhada!

Transforme os resultados da sua equipe! Quer saber como isso pode ser feito? Vamos celebrar o início de uma retomada?

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado