Novo normal aponta duas fortes tendências

Compras online e joias cultivadas em laboratório entraram em alta nesta nova fase

Por Clara Lemos

Com a nova realidade mundial trazida pela pandemia, a forma como os consumidores escolhem e compram seus produtos mudou de forma significativa. Uma forte mudança no comportamento do consumidor foi, ao prezar pela segurança quanto ao contágio do coronavírus, realizar a maioria de suas compras online, deixando de frequentar shoppings, lojas e supermercados.

A venda de produtos de luxo, como joias, cresceu durante a pandemia. Os clientes procuram sobretudo leilões online de peças. O que explica esta alta, segundo Fabio Mariano Borges, professor da ESPM e sociólogo de consumo, é que o consumidor de artigos de luxo, que antes gastava com viagens, restaurantes e casas noturnas, agora tende a transferir o luxo para dentro de casa, mudando a forma como consome.

O consumo de joias advindas de laboratório está crescendo. Estudos comprovam que a geração Millenials, mais preocupada com questões ambientais e sociais, tendem a preferir joias mais sustentáveis, como as produzidas em laboratório. Esta geração tem 21% maior probabilidade de comprar este tipo de joias. Esta pode ser uma forte tendência para o futuro, já que a geração Z tende a seguir os passos da geração do milênio.

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado