Os desafios do comércio eletrônico em 2020

Nova era se inicia ainda com problemas de infraestrutura que vieram da década passada

Por Renato Rinco

Por que o Brasil não avança tanto em compras online como outros países tão conectados como o nosso? Para se ter ideia, no país cerca de 70% da população está conectada a um smartphone, porém o número de compras feitas pela Internet cresceu apenas 12% em 2018, comparado com 28% do número global de compras feitas no mesmo ano.

Um dos desafios que o mercado tem de conseguir abranger todo o território brasileiro em compras online se passa pelo tamanho do país. O Brasil é um país continental, e seu tamanho por muitas vezes atrapalha na logística de pedidos e entrega de produtos, outro fator que acarreta um dos problemas sobre fazer negócios online são os preços das entregas que por muitas vezes variam sobre diferentes regiões.

Sempre ouvimos alguma história de compras em site em que o sistema sai do ar, prejudicando os clientes. Isso acontece porque a qualidade da Internet é um importante desafio a ser resolvido em 2020. Sendo o Brasil apenas o 133° no ranking de qualidade de conexão, fica mais complexo o desenvolvimento de novas tecnologias para aprimorarem o varejo online.

Se em 2020 tivermos todos os avanços disponíveis ao nosso favor, ainda assim restará um fator, o cliente. A fidelização do mesmo é um importante ponto a ser trabalhado neste novo século. Uma vez que o consumidor se sentir seguro sobre as compras feitas através da internet, será mais fácil o desenvolvimento da área para suprir as necessidades do varejo.

 

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado