Saúde e sustentabilidade influenciam as decisões dos consumidores

Empresas devem investir em informações sobre os temas para empoderar seus clientes a fazerem escolhas assertivas

Pessoas foto criado por rawpixel.com – br.freepik.com

O novo relatório do Capgemini Research Institute, ‘What Matters to Today’s Consumer’ (‘O que importa para o consumidor de hoje’, em tradução livre), aponta que os temas da saúde e sustentabilidade devem continuar influenciando as decisões dos consumidores no futuro. Sendo assim, as empresas que almejam ganhar participação no mercado devem considerar o investimento em informar e empoderar os clientes de forma que eles façam escolhas mais assertivas, em conformidade com o que prezam e valorizam.

De acordo com o estudo, em novembro de 2020, 70% dos consumidores disseram que seriam mais cautelosos com a limpeza e a saúde pessoal quando a pandemia terminasse e 63% deles destacaram a sustentabilidade como um fator importante ao decidir de quais varejistas e marcas comprar. Esses números permaneceram estáveis em 2021, com 69% e 60%, respectivamente.

O estudo ainda revela que cerca de 44% dos consumidores estão dispostos a pagar mais por produtos que tenham embalagens sustentáveis. O assunto é bem mais significativo para a geração Z (64%) e os millennials (54%) do que para os boomers (30%).

Clique aqui para acessar na íntegra o relatório que consolidou e avaliou as entrevistas de mais 10 mil consumidores, com idade superior a 18 anos, em países como Austrália, Canadá, França, Alemanha, Itália, Holanda, Espanha, Suécia, Reino Unido e Estados Unidos.

Leia também outras matérias da série ‘What Matters to Today’s Consumer’
Estudo aponta que e-commerce não substituirá totalmente as compras nas lojas
• Jovens estão mais propensos a comprar diretamente de marcas

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado