Use as emoções dos clientes a seu favor

Saber como as emoções funcionam e usar pontos a favor da sua joalheria traz o cliente para mais perto da marca

Por Clara Lemos

cliente
Foto: Pexels

O cérebro humano é um órgão muito complexo e responsável por gerar emoções. Apesar de cada pessoa sentir de determinada forma, há certos padrões de comportamento e sentimento que podem ser levados em conta a fim de criar macetes e conectar sua joalheria com os clientes de forma mais intensa. De acordo com um artigo da Harvard Business Review, os clientes “totalmente conectados” com as marcas são 52% mais importantes do que os satisfeitos.

Por termos que fazer várias escolhas ao longo do dia, em determinado momento o cérebro começa a trabalhar de forma intuitiva e deixa as decisões a cargo das emoções. Sabendo disso, as empresas devem buscar fazer apelos emocionais aos seus clientes da forma correta, como o conhecer bem para saber o quê o toca, e claro, colocar essa ideia em prática de forma contida, fugindo do apelativo.

Outra característica comportamental do ser humano que pode ser usada para aproximar a empresa do cliente é o “pico-fim”. Segundo a teoria, seres humanos lembram-se apenas do pico, ou clímax, e do fim de determinado episódio ou contato. Assim, as empresas precisam estar atentas a esses momentos de maior importância durante seu contato com o cliente, para que ele guarde uma lembrança positiva da marca e ganhe sua afeição.

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado