3 dicas matadoras para acelerar o giro de estoque das lojas

Ideias para colocar em prática já!

Débora Rodrigues

Não há mais motivo para acreditar que a gestão de estoques seja um problema da loja. Hoje em dia já existem diversos softwares no mercado que ajudam o lojista e controlar as peças que vendem e as que sobram no estoque. Confira aqui três ideias práticas para ajudar a movimentar o seu estoque.

1. Planeje as compras de forma diferente

Se você pensa em repor produtos que gosta ou “acha” que vendem bem, esqueça isso agora. O que realmente importa é conhecer o perfil do seu cliente, considerar tendências de moda e negociar com os fornecedores. Avalie os custos, respondendo questões como: o que preciso repor? Tenho prazo para que esse produto ainda seja buscado em minha loja? Como foi o desempenho de marcas, grupos, cor, departamento e modelos na última coleção? Meus relatórios de vendas apresentaram um bom desempenho desse (s) produto (s)?

Ter essas respostas é importante para conseguir ver em relação às compras anteriores pode ajudar a acertar nos próximos pedidos. Outra dica importante é comparar o potencial de vendas com o tamanho do estoque. Acertar nas compras é a maneira mais eficaz de reduzir os custos com estoque.

2. Avalie o desempenho periodicamente

Com a tecnologia dos softwares, você tem acesso em poucos minutos a todos os dados sobre o estoque da sua loja. Não adianta comprar a ferramenta e não usar. É preciso avaliar os dados, refletir sobre eles e encontrar estratégias especiais para cada grupo. É importante para identificar quais são as peças mais valiosas da loja e quais estão em situação crítica, ou seja, produtos que precisam ser remanejados ou promocionados para que não fiquem esquecidos no estoque.

3. Ações para o giro

Toda coleção sempre tem uma ou duas peças que  aparecem mal posicionados no relatório de vendas. Para joias desse tipo, crie novas oportunidades de venda, invista em visual merchandising, converse com a equipe de vendas e considere, até mesmo, uma remarcação ou um desconto. E o que fazer quando o produto é muito bem vendido e ainda assim sobra no estoque? Nesse caso, é possível avaliar características como design, quantidade média e tempo de venda para entender se é o momento certo de liquidar. Se a resposta for sim, faça campanhas assertivas pelas Redes Sociais ou WhatsApp. Só não esqueça de comunicar todas essas informações com a sua equipe de vendas. Eles são a sua ferramenta mais poderosa para fazer o estoque girar.

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado