Os hábitos de consumo de conteúdo online

Smartphone, Google e vídeos estão na lista das preferências dos usuários

Por Erica Mendes

Entender os hábitos de consumo de conteúdo online é fundamental para saber onde dedicar seus esforços na hora de criar, produzir e adaptar o material a ser publicado. Cada canal tem seu próprio perfil e formato, demanda um volume de postagem e documentação e apresenta (ou não) melhor performance para sua marca.

Além de investigar sobre a utilização das estratégias de marketing de conteúdo – apresentadas no estudo ‘Content Trends: Tendências do Marketing de Conteúdo 2019’ – , a Rock Content se valeu dos mesmos 4.769 profissionais que participaram da pesquisa para entender como eles, na posição de usuários, consomem e avaliam todo o conteúdo online que é gerado.

Dos 97,3% que consomem conteúdo online, 89,1% acessam pelo Smartphone contra 64,6% pelo notebook, apontando a importância de ter um site responsivo para facilitar a navegação do usuário.

Em relação ao uso desses aparelhos, os respondentes avaliaram que o notebook (8,6) é o que melhor oferece experiência para o usuário. Já o smartphone (7,7) apresenta a pior nota nesse quesito.

A busca orgânica do Google (80%) continua sendo o canal mais usado para encontrar conteúdos e informações. Logo em seguida, aparecem as redes sociais (78,5%), jornais/revistas online (42,5%) e o e-mail marketing (37,1%).

E, em relação ao formato do conteúdo, o vídeo (68,2%) se mostrou o preferido. As publicações em redes sociais, blog posts e e-books também apresentam uma boa repercussão, com 66,5%, 51% e 50,1%, respectivamente.

Não existem comentários ainda

Comentar

Seu email não será publicado